RECADINHO:

RECADINHO:
Quem entrar como seguidor do blog, favor deixar um comentário p/que eu possa retribuir.
Não dá mais p/entrar nos blogs através do espaço "SEGUIDORES".

segunda-feira, 30 de novembro de 2015

TORTA SALGADA COM FARINHA INTEGRAL

Eu já falei p/vcs que essa massa de torta veio p/ficar definitivamente por aqui. P/variar eu pego carona na receita, faço algumas alterações, e pronto, as novidades vão aparecendo e recebendo muitos elogios.
Dessa vez a alteração ficou por conta da farinha integral, e vou vou contar um segredinho p/vcs: 
A massa ficou simplesmente maravilhosa!

A mesma massa e a fonte da receita já apareceram por aqui:

Receita (xícara de 240ml):
3 ovos inteiros
3 polenguinhos (usei 1 tradicional e 2 sabor cheddar 17g cada)
3/4 de xícara de de chá de azeite (usei metade óleo e metade azeite)
1 xícara de chá de leite
1 xícara de chá de farinha de trigo
1/2 xícara de chá de farinha de trigo integral
1 e 1/2 colher de sopa de fermento em pó
Sal a gosto (lembrando que os queijinhos são salgadinhos)

Modo:
Coloquei no copo do liquidificador os ovos, o leite, os queijinhos, a mistura do óleo e azeite, o sal e bati bem. Acrescentei as duas farinhas misturadas e continuei batendo muito bem. Por último coloquei o fermento em pó batendo rapidamente (só p/misturar)

P/o recheio:
1 maço de nirá picado, incluindo as flores 
1 dente de alho
1 colher de sopa rasa de azeite
Sal
Dourei o alho no azeite, juntei o nirá picado, sal e refoguei por 3 minutinhos. Deixei esfriar p/usar.
2 latas de sardinha 
Escorri bem o óleo, coloquei n/panela e levei ao fogo por uns 2 minutos (p/ficar mais sequinha)

Montagem:
Untei uma assadeira (32 x 22 cm) com margarina e enfarinhei
Coloquei metade da massa, o nirá refogado, a sardinha, a outra metade da massa, decorei com pimentões coloridos (verde, vermelho e amarelo) fatiados, tomatinhos grape e cebola fatiada. Levei ao forno 180º por +- 40 minutos.


Farinha integral que usei








                       
DICAS MINHAS:
Pode usar outro recheio a gosto na torta...
Servi com shoyu
O uso do canudinho eu aprendi n/barzinho/restaurante, ele funciona com um conta-gotas
      
P/quem não conhece o nirá, essa é a imagem (retirada da net):

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

SANDUÍCHE DE CAMARÃO (COM PÃO DE FORMA)


Depois que eu experimentei um sanduíche de camarão na casa de uma amiga em CABO FRIO nunca mais esqueci...
Como sobrou camarão do recheio de uns bolinhos de aipim, resolvi fazer esses sanduíches. Não tenho como descrever a delícia que ficou, só mesmo vocês experimentando é que vão saber.

É mais uma sugestão do que uma receita)
P/o camarão:
O camarão já estava refogado (temperei o camarão com sal  e pimenta do reino. Dourei 1 dente de alho n/fio de azeite, coloquei o camarão e refoguei por 3 minutos, nesse ponto usei no recheio do bolinho), continuando p/usar no sanduíche:
Acrescentei ao camarão já refogado, tomate, pimentão e cebola picadinhos. Acertei o sal e deixei em fogo baixo por + - 5 minutos.
Desprezei o excesso de líquido, deixando o camarão com um molho quase seco. Deixei esfriar...
Piquei o camarão grosseiramente (com  o molho quase seco), acrescentei salsinha picada, azeitonas picadas e maionese até ficar no ponto desejado.

Montagem p/cada sanduíche:
Passei bastante maionese em 1 dos lados de cada fatia de pão (2 fatias p/cada sanduíche). Coloquei o recheio sobre uma fatia do pão, e sobre o recheio a outra fatia. Pressionei o sanduíche com a mão, enrolei com papel alumínio, coloquei em saco plástico bem lacrado e deixei no freezer.

Como os sanduíches foram preparados como aproveitamento do camarão e não p/serem consumidos no dia, deixei no freezer.

P/servir:
Retirei do freezer, deixando descongelar na geladeira. Pode ser servido gelado ou em temperatura ambiente.
Servi com saladinha de alface e molho com cream cheese. O tomate confit, receita AQUI foi só p/decorar o prato.








DICA:
No sanduíche da amiga,  ela coloca ovo cozido
picado, milho e coentro no lugar da salsinha.










quarta-feira, 25 de novembro de 2015

TIPO LASANHA DE LEGUMES COM MOLHO BRANCO E CARNE MOÍDA

Mais uma receitinha 3 B ( boa, bonita e barata). E aí,  você vai deixar passar?

Receita:
P/a carne:
+- 300g de carne moída
1 dente de alho
1 tomate (sem sementes)
1/2 cebola picada
Pimentões coloridos a gosto picados
1 colher de sopa (rasa)  de extrato de tomate
1/2 sachê de molho pronto de tomate
+- 1/2 xícara de chá de água fervente
Sal e pimenta do reino a gosto
1/2 lata de ervilha
Modo:
Dourei o alho n/fio de óleo (usei óleo de coco), juntei a carne moída e refoguei até ficar bem sequinha e soltinha. Acrescentei o tomate,  a cebola, os pimentões e o extrato de tomate. Refoguei tudo muito bem, coloquei o molho de tomate, a pimenta do reino e a água fervente. Acertei o sal e deixei em fogo baixo até  o molho ficar bem apurado. Depois do molho apurado, retirei do fogo, acrescentei a ervilha e reservei.





P/os legumes:
Folhas de repolho (sem o talo) quantidade a gosto
2 batatas médias (em rodelas +- finas)
1 cenoura grande (   "                  "     )
Tudo cozido al'dente no vapor





P/a montagem:
1 ovo cozido
1 banana prata grande (em fatias)  grelhada na manteiga
1/2 caixa de molho branco (ou o caseiro)
Molho da carne moída
N/refratário fui montando as camadas, terminando com o molho da carne moída. Cobri o refratário com papel alumínio e levei ao forno médio por +- 20 minutos.







                                Óleo de coco que usei...

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

RISSOLES (recheio de camarão e cream cheese)

Mais um joguinho de buraco, conversa com os amigos, noite de muito calor, e uma rodada de rissoles deliciosos com cervejinha gelada p/animar a noite.
Nem assim me deixaram ganhar, AFFF! 
As fotos mostram a porção individual kkk

P/ACOMPANHAR AS NOVIDADES PELO FACE, É SÓ CURTIR A PG NA LATERAL DO BLOG.


Modo do caldo:  Fervi cabeças e cascas de 350g de camarão em 1/2 litro de água por +- 20 minutos e depois coei

Receita:
1 copo (250 ml) de caldo de camarão
1/2 copo de leite (usei MOCOCA)
Sal
Molho de pimenta
Cominho
Noz-moscada
Páprica picante
1 colher de chá de caldo de camarão em pó
1 colher de sopa de margarina
1 e 1/2 copo de farinha de trigo

1 clara levemente batida e farinha de rosca para empanar

Obs: Os temperos e as quantidades são a gosto

Modo:
Coloquei todos os ingredientes (menos a farinha) n/panela e levei p/ferver. Assim que levantou fervura, acrescentei 1 e 1/2 copo de farinha de trigo  de uma vez só, mexendo vigorosamente p/não encaroçar. Mexi bem por +- 4 minutos. Retirei do fogo e deixei amornar só até poder ser manuseada sem queimar as mãos. Passei a massa p/uma superfície e sovei bem p/depois modelar.

Recheio:
350g de camarão 
1 dente de alho
Azeite
Tomate, cebola e pimentões coloridos (picados e a gosto)
Extrato de tomate a gosto
Sal e pimenta do reino a gosto
1/2 xícara de chá de água fervente
Um pouco de maizena diluída em um pouquinho de água  só p/engrossar o recheio
Cream cheese  a gosto
Dourei o alho no azeite, acrescentei os camarões e refoguei. Juntei o tomate, a cebola, os pimentões e o extrato, refoguei bem e temperei com o sal e a pimenta do reino. Acrescentei a água fervente e deixei em fogo baixo por +- 5 minutos. Coloquei a maizena diluída e deixei por + uns 3 minutos em fogo baixo.
Dica: Se o creme do recheio ficar ralo, engrosse com + um pouquinho de maizena diluída. Se ficar grosso, acrescente + um pouquinho de água fervente.

Modo:
Abri a massa, coloquei o recheio de camarão e o cream cheese  e modelei os rissoles. Passei na clara levemente batida e na farinha de rosca.

Dica:
Os meus eu congelei, mas podem ser fritos de imediato...
Fritar em óleo não muito quente



LEITE QUE USEI NA RECEITA E MAIS UMA DICA MOCOCA

Clique para obter Opções

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

ISCAS DE FÍGADO COM JILÓ - PETISCO DE BOTECO MINEIRO (da Rachel) e uma 2ª opção de servir

Já encontrei essa receita em diversos blogs e nunca chegava o dia de experimentar. Fazendo uma visitinha no blog da minha amiga Rachel  http://www.nabiroskinha.com/, vocês já conhecem a Rachel? Não?
Não acredito!
Passa lá rapidinho que vão adorar conhecer a Rachel  e o blog dela que é maravilhoso.
Voltando p/ a receita...
Depois de olhar as fotos e  a receita dela, achei que já era hora de experimentar e não me arrependi, já que adoro fígado e jiló. Sei que muita gente o-dei-a, mas depois de uma  cervejinha  gelada com certeza  vão  a-do-rar   kkkk

Receita:
Cortar o fígado em iscas, temperar com alho, sal e um pouquinho de leite (truque p/tirar o cheiro). Descanse por 1/2 hora.
Corte os jilós em 4 (comprimento), fatie 1 cebola em pétalas e reserve.
Aqueça um pouco de azeite n/frigideira, coloque as iscas e deixe fritar. Quando mudarem de cor, acrescente os jilós e a cebola, deixe cozinhar mais um pouco (+- 5 minutos), não pode demorar muito p/o fígado não endurecer.   
Sirva com fatias de limão, pão e pimentinha

Meu modo:
Fiz conforme a receita, mas como queria o fígado mais douradinho, depois de colocar os jilós e a cebola, refoguei bem junto com o fígado e passei p/outra panela (jilós e a cebola), pinguei um pouquinho de água e deixei em fogo baixo até ficarem al'dente. Na panela com o fígado, coloquei mais azeite, deixei fritar mais um pouco e coloquei fatias de pimentão que eu adoro.



              
          Opção 1: Petisco de boteco

          Servir como aperitivo...

Opção 2:  Servir como refeição...
Acompanhou um arroz com repolho,cenoura e ervilhas e uma saladinha verde.
Como segunda feira  é dia de limpar a geladeira, ontem as sobras acabaram me rendendo esse arroz delicioso.
Repolho = sobra de uma salada
Cenoura=   idem
Ervilhas= sobra de um rocambole salgado

Arroz verdadeiro  SOBORÔ né? kkkkkk






E aí já escolheram a opção?
Já sei, alguns amaram e outros odiaram....

Aqui vale tudo kkkkkkkk


BOM FDS P/TODOS!

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

BISNAGUINHAS DO RODRIGO (maravilhosas)

Gente, cada vez que eu vejo uma receita de pão dar certo, eu fico muito mais empolgada ainda p/fazer pão em casa. Sentir aquele  cheirinho de pão exalando pela casa é uma sensação tão maravilhosa, que quem mora n/cidade grande (como eu), consegue  na mesma hora se transportar p/uma cidadezinha de interior, mesmo sem sair do lugar. É mágico! kkkk
Procurando uma receita nova encontrei essa na net e confesso que fiquei um pouco em dúvida se fazia ou não, por não conhecer a fonte...
Resultado: 
Não me perdoaria nunca se tivesse optado por não fazer!
Essa massa é muito, mas muito boa mesmo. Só experimentando p/saber a delícia que fica o pão.

Receita:
1 copo (200ml) de leite (USEI MOCOCA) misturado com 2 ovos
3 colheres de sopa de manteiga
2 colheres de sopa de óleo
1 colher de chá de sal (coloquei 2 colheres de chá)
2 colheres de sopa de leite em pó instantâneo (usei Ninho)
4 colheres de sopa de açúcar (usei rasas)
3 copos (240ml) de farinha de trigo
1 sachê (10g) de fermento biológico seco  (usei Oetker)

Dica: Na receita não diz se a medida (os 200ml) já está com os ovos incluídos ou não. Eu
coloquei 200ml de leite + os 2 ovos. Talvez por isso eu tenha precisado de mais um pouco de farinha (+- 1/2 xícara de chá), mas o resultado do pão foi maravilhoso. Eu também dei uma leve amornada no leite.
Eu acrescentei a farinha de trigo aos poucos, aí senti que precisava de mais p/massa desgrudar das mãos, então passei p/uma superfície enfarinhada e fui puxando o ponto enquanto sovava.
Modelei no formato de bisnaguinha, mas ficaram  mais p/pães pq cresceram bem. P/ficar em formato diferente de outras bisnaguinhas, fiz 2 cortes sobre elas com ajuda de 1 estilete.

Modo:
Dissolva o fermento no leite já misturado com os ovos, o sal e o açúcar. N/tigela coloque esse líquido e acrescente a manteiga  e o leite em pó. Misture bem e acrescente a farinha de trigo aos poucos, até dar o ponto de desgrudar das mãos (dica minha: sovei muito bem a massa). Forme uma bola com a massa, cubra  (coloquei a tigela dentro de um saco plástico e fechei com um araminho) e descanse até dobrar de volume (a minha massa levou 45 minutos p/dobrar de volume).
Depois do descanso modele no formato de bisnaguinhas, só que menores pq vai crescer bem, coloque n/assadeira sem untar, cubra novamente (deixei a assadeira no mesmo plástico do descanso) e deixe crescer até dobrar de volume (as minhas levaram 20 minutos p/dobrarem de volume). Depois de crescidas, leve ao forno preaquecido 180º até que fiquem douradas (no meu forno que é lento, levou 35 minutos).

Simplesmente delicioso esse lanchinho! 





Mostrando a fofura (fica muito fofinho)...






           Mostrando o preparo:



           
  Aqui o crescimento da massa...






                       

Já crescidos, mas antes de irem ao forno...





LEITE QUE EU USEI E MAIS UMA DICA DA MOCOCA

Clique para obter Opções

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...