quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

SALADA DE BACALHAU COM GRÃO DE BICO, bolinho e salada de alface

Quando por aqui fica aquele calorão típico mesmo do RJ, nada melhor que uma boa saladinha acompanhada de um suco ou de uma cervejinha bem gelada e quando a gente encontra no mercado uma promoção de bacalhau e consegue mostrar que mesmo  sendo esse bacalhau do tipo SAITHE que é um dos mais baratos, dá p/sair uma refeição perfeita, melhor ainda né?
P/piorar ainda mais a situação, eu separei uma pequena parte do bacalhau p/fazer uns bolinhos que ficaram também deliciosos.

Receita:
Lascas de +- 1/2 kg de bacalhau  (deixei em lascas já depois de dessalgado, aferventado e sem a pele)
3 batatas médias (usei a asterix)  cortadas em metades com as cascas e cozidas al'dente na água que aferventei o bacalhau. Depois de frias descasquei, cortei em rodelas não muito finas e reservei...
1 colher de sopa cheia de azeite

MODO:
Coloquei o azeite n/frigideira antiaderente de fundo grosso, deixei aquecer bem, salteei as rodelas das batatas e reservei...
Na mesma frigideira coloquei + um fio de azeite deixando aquecer e fritei levemente as lascas do bacalhau. Retirei da frigideira e reservei...
Ainda na mesma frigideira, coloquei + 1 colher de sopa de azeite, acrescentei 2 dentinhos de alho socados deixando dourar. Acrescentei tomate, cebola, pimentões fatiados e 1 colher de sopa de extrato de tomate, refogando bem. Adicionei +- 1 xícara de chá de água fervente e deixei em fogo baixinho até formar um molho apurado, mas sem deixar o tomate, os pimentões e a cebola se desmancharem. Depois do molho apurado juntei 1 caixa de grão de bico (comprada com ele já cozido), azeitonas pretas, acertei o sal, reguei com mais azeite, retirei do fogo e reservei...

Montagem:
Coloquei n/refratário as rodelas das batatas salteadas e reservadas, as lascas do bacalhau, 2 ovos cozidos cortados em rodelas, cobri com todo o molho e finalizei com salsinha picada.



SALADA:
Como usei pouco ovo (de 1) no bolinho, o que sobrou coloquei n/frigideira levemente untada, tampei e deixei ficar durinho (tipo fritada), temperei c/sal, retirei da frigideira e deixei esfriar...
Depois de frio piquei sobre a alface picada , polvilhei com queijo minas ralado e decorei c/tomatinho grape




O bacalhau tipo Saithe pode ser usado p/fazer saladas, tortas, bolinhos, no arroz  e caso vc queira saber mais sobre bacalhau, entra nesse link:
http://www.bacalhau.com.br/tipos.htm


Aí eu pergunto:
Precisa ser um bacalhau caro p/sair uma refeição gostosinha?








P/aproveitar também umas bananas que já estavam quase passando do ponto, eu coloquei manteiga n/frigideira, grelhei as bananas cortadas cada uma em metades e servi com uma geleia de ameixa.

MUITO LUXO BARATINHO NÉ NÃO? kkkk











segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

CASCA DE MELANCIA REFOGADA COM OVOS, ainda não experimentou? Não sabe o que está perdendo heim!

Um dia desses eu comprei melancia e a casca estava tão bonita que eu fiquei com dó de jogar fora, mas como eu não estava a fim de fazer doce, decidi experimentar n/receita salgada e olha que deu super certo. Nunca mais as minhas cascas de melancia conhecerão o lixo kkkk

Como eu fiz:
1- Lavei bem a casca, retirei a parte verde com uma faca  deixando só a parte mais clarinha...
2- Cortei a casca em cubos pequenos e reservei...
3- Aqueci 1 fio de óleo n/panela, coloquei 2 dentinhos de alho socados deixando dourar levemente...
4- Acrescentei os cubinhos da casca, refoguei bem e adicionei 1 xícara de chá de água fervente deixando em fogo baixo...
5- Acertei o sal e fui acrescentando água fervente sempre que necessário até os cubos ficarem cozidos, mas ainda bem al'dente...
6- Deixei o líquido secar (não totalmente) e acrescentei:  
1/2 tomate grande picado, pimentões verde e vermelho picados, 1/2 cebola média picada, 1 colher de sopa cheia de extrato de tomate e refoguei bem. Temperei com pimenta do reino e acrescentei água fervente suficiente p/terminar o cozimento dos cubinhos...
7- Com os cubinhos já bem macios acrescentei ervilhas em conserva, misturei, acertei o sal, coloquei gotinhas de vinagre, salsinha picada e adicionei 2 ovos inteiros deixando cozinharem em fogo baixo...
8- Retirei a panela do fogo, reguei com um pouquinho de azeite e levei p/servir


P/a farofa:
Aferventei um gomo de linguiça toscana, depois retirei a pele e cortei em cubinhos. Coloquei os cubinhos n/panela e fritei bem. Acrescentei 1 dente de alho socadinho deixando dourar e adicionei farinha de mandioca até chegar no ponto desejado (não precisei acertar o sal pq a linguiça deixou o sal no ponto certo) 

Acompanhou:
Arroz branco, saladinha de alface, tomate, cebola roxa fatiada e azeitonas, e ainda aquele feijãozinho preto servido separado e que nunca aparece nas fotos kk






Minha dica:
A casca demora um pouquinho p/chegar n/ponto certo de cozimento, quem preferir um preparo mais rápido pode usar a panela de pressão, mas vigiando por +- 4 minutinhos depois da panela chiar (sempre lembrando de retirar a pressão p/conferir o cozimento). Eu não experimentei cozinhar na panela de pressão, mas dependendo da panela e do fogão, eu acho que nos 4 minutinhos já esteja no ponto certo do 1º cozimento (bem al'dente antes de colocar o molho). Aí é só deixar secar, preparar o molho e aí se preferir  pode colocar mais uns minutinhos na pressão. Depois retira a pressão e termina a receita...


MODO:













sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

DOCE DE CAJÁ DA MINHA MÃE

Minha mãe tinha uma mão maravilhosa p/fazer doces em calda e eles nunca faltavam na minha casa. Eu lembro que um ano no aniversário dela eu me esmerei em preparar os comes e bebes p/uma reuniãozinha em família e nesse dia tinha esse doce de cajá que ela tinha preparado, não p/servir na festinha, era aquele docinho mesmo da geladeira. Gente, me senti frustradíssima pq trocaram meus docinhos cheios de "FINURA" pela compota de cajá da minha mãe kkkkk. 


Receita  (xícara usada = 200ml):
7 cajás pequenos sem as cascas
1 xícara de chá de açúcar
1 xícara de chá de água
Canela em pau (usei 2 pauzinhos bem pequenos)
Cravos a gosto

Coloquei tudo n/panela misturando bem e deixei em fogo baixinho...
Assim que começou a dourar e a calda engrossar, verifique o ponto dos cajás e senti que ainda não estavam macios. Adicionei então mais 1 xícara de água fervente (não coloco água fria p/não interromper  o cozimento)  e mais 1/2 xícara de açúcar, continuando ainda em fogo baixo até os cajás ficarem bem douradinhos e macios e a calda n/ponto certo...





Servi o doce com cream cheese










Dica: 
Esse doce é p/comer com a mão ou com um garfo por conta do caroço ESPINHOSO. Pode espetar o garfo no cajá, passar no cream cheese e praticamente ir "chupando" o cajá até chegar no caroço...
É muito delicioso!





















segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

PÃO (PÃOZINHO) CASEIRO muito fácil

Como há muito tempo não posto uma receitinha de pão, hoje vou deixar  essa que é tudo de bom e mais alguma coisa...
Gente,  a receita desse pão p/mim foi um achado. Eu adoro fazer pães como vcs já sabem e claro que vou continuar testando novas receitas, mas essa já foi a escolhida p/ser usada no pãozinho do dia a dia. Já fiz mais de 6 vezes e vou continuar fazendo com certeza!
A receita é super fácil, mas chegar no ponto da massa é que tem um pulo do gato (no meu modo)

A receita eu vi nesse vídeo, mas fiz algumas alterações:
https://www.youtube.com/watch?v=WsVoiUoZBLQ

Aqui outro vídeo que eu vi a receita e que é quase a mesma:
https://www.youtube.com/watch?v=VGdOJbDOjXU&t=375s


Receita:
2 ovos
250ml de leite (na receita n/diz, mas eu dei uma amornada)
2 colheres de sopa de açúcar (usei rasas)
40ml de óleo
1/2 colher de sopa de sal
1 colher de sopa de margarina
1 sachê de fermento biológico seco (10g)
+- 600g de farinha de trigo (usei a farinha especial da marca Pureza)

Modo:
Bata todos os ingredientes no liquidificador (menos a farinha de trigo), passe p/uma tigela e acrescente a farinha de trigo aos poucos até a massa soltar das mãos. Passe p/uma superfície enfarinhada e sove bem.

Minha dica e meu modo:
Bati todos os ingredientes no liquidificador (- a farinha), passei p/uma tigela e fui acrescentando a farinha de trigo aos poucos (a minha deu +- 500g), mas quando eu senti que a massa ia pedir mais farinha pq ainda estava bem grudenta, passei assim mesmo p/superfície enfarinhada e fui sovando e puxando o ponto, o que levou mais +- 100g de farinha e ainda estava grudenta. Nesse ponto eu peguei uma porção de massa e vi que mesmo com a massa grudenta já dava p/modelar uma bolinha e sem agarrar na mão, decidi então não acrescentar mais farinha. Mesmo na receita não mandando descansar a massa, eu formei uma bola com ela e deixei descansando por 15 minutos, o que facilitou bem na modelagem dos pãezinhos...

P/modelar:
Depois do descanso eu passei a massa p/superfície enfarinhada, dividi em 3 partes e formei 3 rolos com ela, cortei cada rolo em pedaços de  +- 3 dedinhos  cada (o tamanho é a gosto, eu fiz pequenos). Abri cada pedaço (com a mão mesmo) formando +- um retângulo pequeno e enrolei tipo rocambole (a massa ainda estava um pouco grudenta, mas na superfície enfarinhada modelei super bem e sem precisar  usar muita farinha, o que certamente endureceria mais os pãezinhos). Coloquei os pãezinhos n/assadeira (deixar um bom espaço entre eles pq crescem muito) e deixei crescendo por +- 45 minutos...

Dica:
Eu coloco a assadeira dentro de um saco plástico bem grande, deixando o plástico bem afofado e fecho com um aramezinho  p/os pãezinhos  crescerem melhor
Levei ao forno 180º por mais ou menos 20 minutos (ou até que eles fiquem douradinhos)


Rendimento = 1 pão bem maior, 3 tipo p/cachorro quente, 8 tipo doguinho e 7 redondinhos



em alguns eu passei margarina gelada assim que retirei do forno p/dar um brilho...







AQUI MOSTRANDO A FOFURA DO PÃO...











AQUI JÁ COM UMA MANTEIGUINHA, HUMMM!










Modo:


























sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

ROLO DE CARNE ACÉM recheado e assado c/batata doce, farofa + suflê de repolho

Eu sempre digo aqui que uma das minhas carnes preferidas é o acém e quando eu encontro uma peça boa, compro e congelo em pedaços grandes. Com um dos pedaços preparei esse rolo recheado com linguiça e vou te contar que foi uma ideia maravilhosa. Já foi p/o caderninho de "FAZER SEMPRE".

Receita:
1 peça de carne acém com +- 400g
Temperei a carne com alho, sal, louro, shoyu, molho inglês, pimenta do reino e cominho. Deixei na marinada de um dia p/outro...
1 gomo de linguiça toscana aferventada, sem a pele e esfarelada
No dia seguinte c/uma faca afiada abri a  carne formando um bife grande, coloquei como recheio 1 gomo de linguiça toscana aferventada, sem a pele e esfarelada, fatias de pimentões verde, vermelho, fatias de cebola e azeitonas, enrolei como um rocambole prendendo com palitos, que depois troquei amarrando a carne com barbante culinário...
Aqueci 2 colheres de sopa de óleo n/panela, coloquei a carne sem a marinada deixando dourar bem de 1 lado e depois do outro p/selar. Acrescentei a marinada deixando em fogo baixo até secar e a carne dourar. Continuei acrescentando água fervente aos poucos sempre que a carne secava até chegar  n/ponto dela ficar macia e bem douradinha...
Com a carne já macia e bem douradinha, retirei da panela e reservei...
Na mesma panela acrescentei tomate e cebola fatiados, extrato de tomate e refoguei bem aproveitando toda a crosta formada com a carne na panela. Acrescentei água fervente suficiente p/o cozimento de 2 batatas doce médias cortadas em rodelas grossas e minicebolas. Acertei o sal e deixei em fogo baixo até  elas ficarem cozidas al'dente.

P/o suflê:
Nota:
Eu medi a quantidade de repolho n/copo americano pq era o que eu estava usando na hora...
Receita:
1 e + 3/4 de copo americano de repolho polvilhado com sal e cozido al'dente no vapor (medido com ele já espremido e sem compactar)
3 ovos
1 copo americano de leite
3 colheres de sopa de parmesão ralado
1 colher de sopa de margarina
1 colher de sopa cheia de maizena 
1 cebola pequena picadinha
1 pitada de pimenta do reino e 1 de noz-moscada 

Modo:
Depois do repolho cozido e já frio, espremi bem com as mãos p/retirar o excesso de líquido e reservei...
Bati no liquidificador  o leite, as 3 gemas, o queijo ralado, a margarina, a maizena e a cebola. Passei a mistura p/uma tigela, acrescentei o repolho já frio e espremido, temperei com o sal, a pimenta e a noz-moscada. Adicionei as 3 claras batidas em neve misturando delicadamente. Coloquei a mistura n/refratário bem untado com margarina e levei ao forno 180º por +- 45 minutos








Acompanhou:
Arroz branco, farofa e aquelas torradinhas que não podem faltar por aqui










Aqui mostrando como se pode fazer uma refeição gostosa, bonita e com ingredientes bem baratinhos.
OBS:
O "gostosa" e "bonita", claro que antes vem a frase "modéstia à parte" né? kkk






MODO:
































quinta-feira, 30 de novembro de 2017

FAROFA DE CEBOLA DO EDU, carne seca com batata doce e salada

Se eu fosse nordestina talvez não gostasse tanto de farofa como gosto. Sempre que eu vejo uma receita diferente corro logo p/experimentar e dessa vez a receita leva como ingrediente principal uma coisa que eu amo que é  a CEBOLA.
A receita é  do Edu Guedes...

Receita com as minhas medidas:
2 colheres de sopa cheias de manteiga
1 cebola picadinha
Sal
Farinha de mandioca  (QB)

Modo:
Coloquei n/panela a manteiga com a cebola deixando em fogo baixo até  a cebola ficar douradinha (sem queimar) e parecendo um cremezinho. Nesse ponto temperei com sal, acrescentei a farinha aos poucos e sempre mexendo até chegar no ponto desejado.

P/a carne seca com batata doce:
Receita:
Cubos de carne seca dessalgados e pré-cozidos (al'dente)
3 batatas doce médias cortadas em cubos
2 dentes de alho
1 tomate sem sementes picado
1/2 cebola picada
Pimentão picado (quantidade a gosto)
1 colher de sopa de extrato de tomate
Sal e pimenta do reino a gosto
Salsinha picada p/decorar
Água fervente (QB)

Modo:
Coloquei 1 colher de sopa de azeite n/panela e deixei aquecer, acrescentei os cubos da carne seca deixando fritar, juntei os dentes de alho socados deixando também fritar levemente. Acrescentei o tomate, a cebola, o pimentão e refoguei. Adicionei o extrato de tomate e a pimenta do reino misturando bem. Coloquei a água fervente n/quantidade suficiente p/formar um molho apurado e a carne ficar macia (+- 15 minutos em fogo baixo)...
Com o molho já apurado (se necessário acrescentar + um pouco de água fervente) acrescentei os cubos das batatas, temperei com sal e deixei em fogo baixo até os cubos ficarem macios, mas sem desmancharem. Passei p/um refratário p/servir  e decorei com salsinha picada.





Acompanhou:
Feijão carioca, arroz branco e uma saladinha com alface, pepino, tomatinhos, azeitonas, cebola fatiadinha e ovo cozido





MODO:























LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...